Verminoses

O intuito deste texto é passar, de maneira clara e objetiva as principais informações sobre as verminoses intestinais de nossos cães e gatos.

Nossos animais são acometidos por uma série de vermes que se adaptaram a eles. Nas infestações por vermes influem fatores como, situação geográfica, condições climáticas, época do ano e, de grande importância, condições de manejo dos animais.

Uma infestação pode causar danos como perda de peso, crescimento tardio, predisposição a outras doenças, menor absorção e digestão dos nutrientes, perda de sangue e proteína, em fim, um complexo desequilíbrio orgânico.

ALGUNS SINTOMAS

– Animal com a barriga abaulada, onde é comum o proprietário achar que seu animalzinho esteja gordinho.
– Olhar triste, que deve ser avaliado por um profissional para diferenciação de outras doenças.
– Animal arrasta o “bumbum no chão”.
– Magreza.
– Fezes moles, com sangue.
– Presença de vermes nas fezes, onde é importante a observação do proprietário para relatar ao médico veterinário o tipo de verme encontrado para um bom diagnóstico e tratamento adequado.

Existem vermes redondos, achatados, e vermes que soltam proglotes parecido com uma semente de pepino ou grão de arroz.

CONTROLE

É importante que o proprietário fique atento para um bom controle das parasitoses intestinais do seu animal.

Uma profilaxia adequada é baseada em vários pontos, como acompanhamento Médico Veterinário para um programa de vermifugação correta desde filhote, exames parasitológicos de fezes podem ser feitos pelo Veterinário periodicamente, correto destino das fezes o que evita uma autocontaminação e de outros animais que vivem no mesmo ambiente, é importante lembrar que nas fezes existem ovos. Limpeza adequada do ambiente com desinfetantes ( lembrando de tirar o animal do local durante a operação)

CONSELHOS IMPORTANTES

– Nunca deixe seu cão muito tempo sem ir ao Veterinário, este profissional lhe dará todas as diretrizes de sucesso no plano de saúde de seu animal.
– Não administre vermifugos sem lógica, é sempre importante a troca de princípios, que um profissional fará com sucesso.
– O ambiente é de importância fundamental para o sucesso do tratamento profilático.
– Lembre-se: Algumas parasitoses de cães e gatos são transmitidas aos homens, então é importante uma boa profilaxia, que irá se refletir em nós e em nossos filhos.

stocksnap_umhzopf4cj-medium